comentar
publicado por pedro, em 16.03.05 às 21:45link do post | favorito
Lembro-me dos tempos de criança em que havia uma colecção de cromos que se chamava "Dias Felizes". Quando vinha agora aqui deixar o meu testemunho de hoje, lembrei-me...

Hoje tive um dia risonho. Há dias assim... talvez por hoje ser o meu dia, não sei, mas foi um dia de empatias. De encontros com quem há algum tempo não estava, de telefonemas inesperados, enfim, um rol de acontecimentos que me deixaram a sorrir.

Não sei o que cria uma "empatia". Quais são os ingredientes para ela acontecer? Li há não muito tempo na revista XIS, suplemento do Público, a importância que o gestos corporais têm no nosso inconsciente. Empiricamente já sentia isso. Aliás, é através dos gestos que procuro conhecer as pessoas, através dos tiques, das expressões, de tudo o que não controlamos e que é expontâneo. Mas é bom saber que também se cria emptatia através da escrita, como se de repente as palavras se apoderassem no nosso corpo.

Seja falado, ouvido, lido ou visto é assim por vezes... quando há dias felizes.

Anónimo a 18 de Março de 2005 às 15:26
Fico tão feliz por te sentir feliz :) A nossa empatia não teve muita explicação nem precisamos dela. Aconteceu. Sentimos. E rimos, rimos muito, mas também já partilhámos dores e lágrimas, ainda que a maioria delas em silêncio. O tal silêncio que sabemos dar quando se conhece o outro quase como a nós mesmos, sabendo que o que ele escreve poderia ter sido escrito pela nossa mão. Gosto muito de ti e tu sabes isso :) Beijo enorme, azul e transparente :)Carla
(http://papoilasdoces.blogs.sapo.pt)
(mailto:cferreirapedro@sapo.pt)

mais sobre mim
Março 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
17
18
19

20
23
24
25
26

27
28
29
30
31


links
pesquisar
 
blogs SAPO